Chuva no Japão!

postado em: Uncategorized | 0

Classificação

Em uma condição desafiadora devido a chuva torrencial que assolava o traçado japonês, a pista oscilava muito em relação a sua condição e, consequentemente, aos tempos de volta.
Os primeiros minutos da classificação foram de extrema cautela por parte dos pilotos pois havia muita água empoçada, então era necessário que a pista formasse um trilho seco para que os pilotos pudessem acelerar ao máximo seus bólidos.

Com as condições acertadas, o Elisson Flauzino, vencedor da etapa de Laguna, desbancou e quebrou a sequencia de 3 poles positions seguidas do André de Carli. A diferença foi de apenas 1 décimo entre os dois pilotos.
Logo atrás, o Vitor Tonini assumiu a terceira colocação com uma sólida volta, 4 décimos atrás da pole. Na categoria AM, Toledo Júnior aproveitou das condições e capitalizou um 4° lugar com seu Porsche 911 II, carro que anda muito forte em condições chuvosas.

Pole position: 02:12.468 / Elisson Flauzino – Quantum Racing

Corrida

Na hora da verdade, os pilotos demonstraram muito respeito e paciência com as condições. A largada teve pouquissimos contatos e logo uma fila se formou atrás do Elisson. Logo na T4, Toledo Júnior que havia se qualificado muito bem, dividiu a curva pelo lado de fora e acabou espalhando para a grama, perdendo várias posições logo na primeira volta.

André de Carli, até então líder do campeonato, acabou jogando fora mais um resultado pois sofreu com problemas de conexão e teve um fim prematuro na etapa. Com isso, Elisson Flauzino desgarrou e fez um ritmo a parte dos demais pilotos, que degladiavam pelas outras duas posições no pódio. Tonini e Marcelo Delgado brigavam volta a volta pelo segundo degrau, até a janela de pit abrir.

Muitos pilotos acabaram cometendo erros sozinhos. Rapha Souza que vinha seguindo Christopher Lee, acabou se assustando com o erro do piloto adversário na frente e perdeu a traseira do carro na curva da roda gigante. Tiago Silveira, novamente, acabou carregando a configuração de qualificação pro seu carro e teve um fim prematuro pois não tinha combustivel suficiente e o regulamento não permite reabastecimento.
Gean Gabriel que vinha em sexto remando posições na pista, sofreu com uma chicoteada da sua Lamborghini, despejando todo o progressso feito e perdendo várias posições.

Os pilotos que estavam na frente conservaram muito bem seus pneus, podendo postergar suas paradas. Christopher Lee que vinha em 4° foi o primeiro, foi para o pit com 20 minutos. Uma volta após, Marcelo Delgado foi cumprir sua parada obrigatória mas acabou se atrapalhando no pit e desperdiçou sua vantagem pro Christopher Lee, que assumiu a terceira colocação. Vitor Tonini deixou para fazer sua parada nos minutos finais da janela e, por algum motivo, cometeu a fatalidade de ter colocado o set de pneus slick, resultando na perda da segunda colocação pro Christopher Lee também, que capitalizou o erro dos adversários com uma corrida consistente e sem erros.

Wagner Carvalho, herói da última etapa, repetiu o feito. Ganhou novamente na categoria AM, com um sólido quinto lugar na geral, somando bastante pontos e amplianda sua vantagem em relação a seus adversários.

Destaque também para Caio Rocha, que colocou seu Audi na sexta colocação do geral, largando da 24° posição, ele ganhou 18 posições durante a corrida e foi entitulado o herói da corrida.

Elisson Flauzino atingiu o Grand Chelem: Pole, melhor volta e liderança de ponta a ponta. Corrida impecável do piloto da Quantum, que passou a assumir a liderança do campeonato.

Aguardamos você em terras holandesas, em Zandvoort! A etapa será a conclusão do GT Intercontinental e conta com pontuação dobrada e 90min de prova. A diferença do 2° pro 7° é de apenas oito pontos! Contamos com sua presença na ellevenTv!

Pódio final:

PRO

  • 1° Elisson Flauzino – Quantum Racing
  • 2° Christopher Lee – Dive Bomb Racing
  • 3° Marcelo Delgado – Bravos Motorsports

AM

  • 5° Wagner Carvalho – Bravos Motorsports
  • 6° Caio Rocha – Square Racing
  • 8° Toledo Júnior – Piloto Independente

Volta mais rápida:

2:11.958 / Elisson Flauzino – Quantum Racing

Deixe uma resposta